Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Polícia

Anuário aponta redução de 8,17% nos acidentes de trânsito em 2020

Apesar da redução dos acidentes, o número de mortes no trânsito aumentou 25%, somando 629 registros em 2020

 |
Divulgação / Reprodução

Em 2020, Mato Grosso registrou 6.578 acidentes de trânsito, uma redução de 8,17% em relação ao ano de 2019, quando foram contabilizados 7.164 em todo Estado. Apesar da redução dos acidentes, o número de mortes no trânsito aumentou 25%, somando 629 registros em 2020, sendo que em 2019 foram 503.

Os dados são do Anuário Estatístico de Trânsito do Estado de Mato Grosso – 2021, ano base 2020, já disponível no site do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (www.detran.mt.gov.br), através do link Anuário.

Dos 6.578 acidentes registrados em Mato Grosso, 66% das vítimas são homens e 33% são mulheres.

Sábado foi o dia da semana em que mais ocorreu os acidentes, com 19% dos registros, sendo o horário noturno e madrugada com maior índice, de 39,40% dos casos.

Autuações

Em 2020 houve uma queda nos registros das autuações de infrações de trânsito. Foram 625.108 autuações, 25,2% a menos se comparado a 2019, quando foram contabilizadas 835.469 autuações.

A infração que continua se destacando nas vias públicas é a de transitar em velocidade superior a máxima em até 20%, totalizando 360.384 autuações somente em 2020.

Anuário

Os dados disponibilizados no Anuário Estatístico permitem identificar padrões de comportamento, como tendência e sazonalidade, pontos críticos e os fatores de risco presentes no trânsito em Mato Grosso.

Além disso, o documento serve como base para as ações dos órgãos e entidades que atuam na área da Segurança Pública no auxílio a redução de acidentes e no combate à violência no trânsito.

Conforme o líder da equipe do Renaest do Detran-MT, Walber Desto, o Anuário Estatístico é uma importante ferramenta de pesquisa, estudo e diagnóstico das necessidades do Estado na construção de uma política de segurança viária.    

O documento é desenvolvido pelo Detran-MT, por meio da equipe do Registro Nacional de Acidentes e Estatísticas de Trânsito (Renaest), com colaboração da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) e Secretaria de Segurança Pública de Mato Grosso (Sesp-MT).



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Polícia (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial