Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Polícia

Ex-marido é preso após assassinar mulher com 3 tiros na cabeça em Rondonópolis

 |
Divulgação / Reprodução

Acusado de assassinar a ex-companheira com 3 disparos de arma de fogo, Juliano de Souza Lima, 28, teve o mandado de prisão cumprido, pela Polícia Judiciária Civil, na sexta-feira (28), em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá).

O crime foi praticado no dia 5 de setembro quando a vítima, Miriam Alves de Oliveira, 25, foi buscar a filha na casa do ex-companheiro, no bairro Ezequiel Ramin. Na ocasião, Juliano pediu para que a ex-companheira fosse até seu quarto para conversarem, momento em que efetuou 3 tiros contra a cabeça da vítima.

Em seguida, Juliano fugiu em sua motocicleta, quando o pai do suspeito encontrou a vítima caída no chão do quarto. Miriam foi socorrida e chegou a ficar internada no Hospital Regional, porém não resistiu aos ferimentos e morreu dias depois.

Logo após o crime a Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) assumiu as investigações, com a oitiva de testemunhas e do próprio suspeito, que se apresentou depois de passado o período de flagrante. Com base nos indícios, a DEDM representou pela prisão do suspeito, que foi decretada pela Justiça.

Na sexta-feira (28), os policiais da Derf flagraram Juliano, em via pública, no momento em que ele saía da casa em que estava escondido, no bairro Ezequiel Ramin em Rondonópolis. Ele conduzia uma motocicleta Honda CG 125, quando foi abordado pelos investigadores e teve o mandado de prisão cumprido.



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Polícia (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial