Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Juscimeira

Juscimeira terá primeira fábrica com integração lavoura e piscicultura

 |
Divulgação / Reprodução

A primeira unidade, de três fábricas que serão implantadas em Juscimeira, já está prestes a ligar suas turbinas para produção de aminoácido, um fertilizante com alta tecnologia e patente própria, que capta resíduos frescos de pescados para obter grande capacidade nutricional, sendo um excelente veículo microbiológico para uma agricultura de alta produtividade. A previsão para a inauguração é para o próximo mês.

De acordo com o engenheiro químico da indústria, Thiago Macitelle, a nova fábrica de aminoácido será a primeira que promoverá a integração lavoura e piscicultura, a qual é um investimento visionário da família Bortolli, pioneira na agricultura.

“Nós estamos enxergando um valor agregado em 70% do peso do nosso peixe, que,  ao invés de fazer produtos com menos valor fabricaremos  aminoácidos, os quais voltarão a lavoura para estimular as plantas. Será um ciclo fechado com sustentabilidade econômica e ambiental.

O prefeito Moisés dos Santos destacou durante a visita “in loco no espaço, que a nova fábrica é praticamente o começo da industrialização no município, a qual terá tecnologia de ponta para desenvolver um produto inovador de alta qualidade genuinamente juscimeirense, que levará o nome do munípio para todo o país.

“Juscimeira será referência no setor do pescado para o Vale do São Lourenço, a nível Mato Grosso e Brasil. No empreendimento já foram investidos até agora R$ 15 milhões. A previsão é chegar na casa dos R$ 40 milhões com as três unidades. Nessa primeira etapa será inaugurada a fábrica do aminoácido, que é um fertilizante natural para a lavoura.  E posteriormente será o frigorífico com mais geração de emprego e renda para nosso município”, frisou Moisés.   

O deputado estadual, Carlos Avalone, um dos grandes incentivadores para que o complexo industrial fosse implantado em Juscimeira, na visita se surpreendeu com o avanço das obras do empreendimento que terá a capacidade de produção, a princípio, para atender 1 milhão de hectares. Posteriormente serão três expedientes com um total para suprir 3 milhões de hectares de lavoura.

“Estivemos aqui a menos de um ano no lançamento das obras e hoje retorno e me surpreendi com a competência do grupo empresarial Bom Futuro. As instalações já estão praticamente prontas e nos próximos dias eles estarão inaugurando essa primeira fábrica do complexo com três plantas. Quero aproveitar a oportunidade para parabenizar o prefeito Moisés e vereadores que apoiaram a vinda deste importante investimento para a economia do Estado de Mato Grosso”, concluiu Avalone.



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Juscimeira (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial