Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Mundo

Papa: os migrantes são o símbolo de todos os descartados da sociedade

 |
Divulgação / Reprodução

“Os migrantes são hoje o símbolo de todos os descartados da sociedade globalizada”, disse o papa Francisco ao presidir ontem (08), na Basílica Vaticana, a celebração eucarística para recordar os seis anos de sua visita a Lampedusa.

A ilha ao sul da Itália foi a meta, exatamente em 8 de julho de 2013, da primeira viagem do Pontífice. Naquele ano, os desembarques de migrantes eram quase diários. Meses depois, em 3 de outubro, ocorreria a maior tragédia registrada nas imediações: num naufrágio de uma embarcação líbica, perderam a vida 368 pessoas.

“Não se trata apenas de migrantes, mas de pessoas humanas”, reforçou o papa em sua homilia na missa celebrada para um restrito grupo de pessoas, cerca de 250, convidadas pelo Dicastério para o Desenvolvimento Humano Integral.



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Mundo (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial