Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Economia

Décimo terceiro vai injetar R$ 3,3 bilhões na economia de Mato Grosso

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Cuiabá espera incremento de 5 a 7% nas vendas em dezembro.

A Câmara de Dirigentes Lojistas destacou que uma pesquisa realizada pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) que o pagamento do 13º salário dos mato-grossenses deve injetar R$ 3,3 bilhões na economia do Estado.

Com isso, a entidade espera um incremento de 5% a 7% nas vendas de Natal, que serão movimentadas, em grande parte, devido ao pagamento do abono natalino.

“Esperamos com ansiedade que isso venha reforçar o resultado deste ano, continuando a escalada de crescimento do 2º semestre. O ambiente macroeconômico está ficando bom e isso transmite segurança para o trabalhador que acaba tendo mais confiança em comprar, porque tem certeza de que honrará seus compromissos”, afirma o presidente da CDL Cuiabá,  Nelson Soares.

A partir do dia 1° de dezembro, o comércio da Capital passará a atender em horário especial para que a população possa fazer suas compras de natal.

Segundo a Câmara de Dirigentes Lojistas de Cuiabá (CDL), o comércio de rua funcionará até às 20h nos dias 1° a 6, 9 a 13, 26 a 28 e dia 31.

Entre os dias 16 a 21, os consumidores poderão ir às compras até às 22h.

Já aos finais de semana, dias 7 e 8, 14 e 15, e véspera de natal e ano novo, 23 e 24, 29 e 30 os lojistas poderão seguir com as portas abertas até às 18h.

As lojas nos shoppings também funcionarão em horário especial no último mês do ano. Nos dias 1°, 8 e 29, as lojas estarão abertas das 14h às 20h.

Nos dias 2 a 7, 9 a 13, 26 a 28 e dia 30, as lojas dos shoppings estarão abertas das 10 às 22h, e nos dias 14, 15 a 18 e 19 a 23 das 10h às 23h.

No dia 24, véspera de Natal, funcionará das 10 às 19h e na véspera do ano novo, dia 31, das 10h às 18h.

No dia 25 e 1° de janeiro o comércio não abrirá às portas.

Conforme a CDL, os horários foram definidos através da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) para Cuiabá e Várzea Grande.

 



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Economia (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial