Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Polícia

Mais de mil veículos apreendidos são reciclados pelo Detran-MT e Polícia Civil

 |
Divulgação / Reprodução

Um intenso trabalho realizado com a parceria entre o Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) e a Polícia Judiciária Civil (PJC), por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos de Cuiabá (DERRFVA), resultou na destinação para reciclagem de mais de mil veículos que estavam há décadas abandonados no pátio da delegacia. O trabalho também envolve o Poder Judiciário e o Ministério Público.

Nesta quinta-feira (05.03), foi iniciado o processo de prensagem dos veículos, entre motos e carros, que serão destinados para reciclagem, na segunda fase da Operação Pátio Limpo. O foco da ação é a descontaminação e limpeza do pátio do Detran-MT utilizado pela delegacia.

O delegado titular da DERRFVA, Gustavo Garcia, explica que os veículos destinados à prensagem foram apreendidos, inclusive possuem diversos débitos tributários e administrativos, e a maioria abandonados por seus proprietários.

Os bens ficam em posse da delegacia quando o veículo é apreendido por alguma queixa de crime como roubo, furto, clonagem e outros.

“Em parceria com o Detran, estamos fazendo a destinação correta desses mais de mil veículos e materiais ferrosos, retomando a limpeza do pátio e organizando o nosso espaço”, disse o delegado.

Segundo Garcia, para que os veículos pudessem passar pela prensa, a unidade policial teve que concluir mais de 1.200 inquéritos e restituir quase dois mil veículos aos proprietários.

Para chegar no processo de prensagem, o Detran-MT realizou a vistoria dos veículos e os encaminhou para a etapa de descontaminação, dando a destinação correta para cada material, tais como a bateria, óleo e o combustível.
 



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Polícia (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial