Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Polícia

Pedófilo confessa estupros de sobrinhas de 12 e 13 anos e é amarrado pela família

Após ser descoberto, ele foi detido pelos próprios familiares das vítimas, sendo amarrado com fios elétricos e encaminhado à delegacia.

 |
Divulgação / Reprodução

Um homem acusado de estupro de vulnerável de duas sobrinhas de sua esposa teve o mandado de prisão preventiva cumprido pela Polícia Civil, na segunda-feira (24), em ação da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande (DEDMCI-VG).

O pedófilo, E.C.A., 49, foi contido por familiares das vítimas e interrogado confessou que estuprava as adolescentes de 12 e 13 anos, há aproximadamente um ano e meio.

Segundo o delegado da DEDMCI-VG, Cláudio Alvares Sant'Ana, o pai e a mãe de uma das vítimas passaram a desconfiar dos abusos, após a filha apresentar comportamento diferente. Questionada, a menor contou aos pais que ela e a prima eram estupradas pelo marido da tia há cerca de um ano, além de serem vítimas de terror psicológico e constantes ameaças.

Após ser descoberto, ele foi detido pelos próprios familiares das vítimas, sendo amarrado com fios elétricos e encaminhado à especializada. Na delegacia, as duas vítimas foram ouvidas, ocasião em que confirmaram e deram detalhes sobre os crimes. Em interrogatório, o pedófilo também confessou que vinha estuprando as menores há mais de um ano.

Enquanto as partes eram ouvidas, a esposa do criminoso compareceu à delegacia e registrou um boletim de ocorrência de estupro contra ele, no qual relatou que, na última quinta-feira (20), foi segurada à força e obrigada a manter relações sexuais com o marido.

Diante das evidências, o delegado representou pelo mandado de prisão contra o acusado, o qual foi deferido pela Justiça e prontamente cumprido pela equipe da DEDMCI-VG.



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Polícia (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial