Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Polícia

Homem acusado de matar por homofobia vai a júri em Rondonópolis

 | Messias Filho/Agora Mato Grosso
Messias Filho/Agora Mato Grosso

Começou por volta das 9h da manhã de hoje (24), no Tribunal do Júri de Rondonópolis, o julgamento de Valdinei Sousa da Silva, conhecido como “Vavá”. Ele é acusado de homicídio duplamente qualificado por motivo torpe - movido por sentimento de homofobia - e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima. Conforme denúncia da 6ª Promotoria de Justiça Criminal, o crime aconteceu em junho de 2017, no bairro Novo Horizonte. Jean Henrique Dias, que possuía o nome social “Tábata”, foi morto pelo acusado com quatro disparos de arma de fogo.

De acordo com a investigação, a vítima era travesti e fazia ponto no local quando o denunciado e esposa passaram em uma motocicleta, e, movidos por sentimentos de preconceito e discriminação, ofenderam Tábata e outras travestis que ali estavam. A vítima revidou a ofensa, o que teria deixado Valdinei irritado.

Narra a denúncia que, na sequência, “imbuído de animus necandi (com intenção de matar), o denunciado se deslocou até a sua residência, ocasião em que se apossou de uma arma de fogo e retornou sozinho ao local do crime”, onde disparou quatro vezes contra Tábata. A vítima morreu na hora. O acusado está preso preventivamente desde  2017 na Penitenciária Major PM Eldo Sá Corrêa - “Mata Grande”.



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Polícia (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial