Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Juscimeira

Nível de rio sobe e ribeirinhos sofrem com alagamentos; Prefeitura emite alerta

 |
Divulgação / Reprodução

As fortes chuvas que têm caído sobre Mato Grosso estão provocando uma série de prejuízos e moradores ribeirinhos do Distrito de Fátima de São Lourenço, em Juscimeira (a 157 km de Cuiabá), estão sofrendo com os alagamentos na região. Um alerta foi emitido pela Prefeitura por conta da elevação do nível de água da Pequena Central Hidrelétrica (PCH) do Rio São Lourenço. De acordo com a Gerência da PCH, os moradores devem ficar atentos quanto a alagamentos na localidade

“Nunca aconteceu isso nos cinco anos que estou aqui. Eu passei a noite acordada porque o rio estava sujeito a entrar dentro da minha casa. Meu carro ficou na água, submerso. A gente teve que amarrar na árvore tanto o barco quanto outras coisas. Nós ficamos muito preocupados. Eu fiquei muito angustiada, nós perdemos coisas”, conta Neuza Maria, moradora ribeirinha, em um vídeo divulgado pela Prefeitura de Juscimeira.

As chuvas fizeram com que o nível da PCH ficasse próximo ao máximo operacional, sendo necessária a liberação de maior volume de água. “Os moradores da localidade devem ficar atentos quanto a margens do rio [São Lourenço], sendo que a previsão é elevar ainda mais o nível da água nas próximas horas”, destacou o gerente da PCH, Eduardo Brizola, na última quinta-feira (11).

O comunicado também foi emitido ao Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil que, inclusive, realizou a visita nos locais alagados junto da Secretaria de Assistência Social e Secretaria de Saúde de Juscimeira. Por meio de vídeo, a Prefeitura informa que a situação não está tão perigosa quanto aos últimos dias, visto que o nível do rio baixou.

Como alguns moradores não receberam o alerta, está sendo traçada uma estratégia para que a população ribeirinha receba futuros avisos de forma mais rápida. Um dos planos envolvem a instalação de uma antena para que seja emitido sinal para os celulares, o que facilitaria a comunicação.

“O objetivo é fazer uma levantamento do que realmente aconteceu no últimos dias com relação a inundações e alagamentos. [Queremos] conscientizar a comunidade como um todo de como desenvolver ações preventivas para minimizar [danos] caso venha ocorrer algum desastre na região proveniente das fortes chuvas que vem caindo”, explica o Sargento Rogue.

Segundo o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), ligado ao Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), a previsão é de pancadas de chuvas até a próxima quinta-feira (18) em Juscimeira. Na segunda-feira, a chuva deve ter início no período da tarde. Na sexta e sábado, a previsão é de tempo nublado.



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Juscimeira (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial