Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Dom Aquino

Dom Aquino: Cadê o dinheiro que estava aqui Gerson Januário Amorim?

 |
Divulgação / Reprodução

O ex-secretário municipal de Administração de Dom Aquino Gerson Januário de Amorim terá que se explicar onde foi parar o dinheiro de uma dívida que o município tinha com a empresa NP Capacitação e Soluções Tecnológicas LTDA no valor de R$ 7.990,00. A dívida com a empresa consta que foi paga, mas o valor foi supostamente desviado e creditado em uma conta do banco Sincob de Campo Verde, que está no nome de David Rodrigues de Alencar, um prestador de serviço que atuou no setor da contabilidade da prefeitura, indicado pelo ex-secretário.

A dívida contraída com a NP capacitação é do ano de 2015, gestão do prefeito Josair Lopes, para aquisição de licença para uso de software que contém comparação de preços praticados pela administração pública, tendo por finalidade o acesso via web do serviço de banco de preços.

A empresa entrou com uma Ação Monitória contra a Fazenda Pública em desfavor do município e no relatório do juiz de direto da Comarca de Dom Aquino, Lener Leopoldo da Silva Coelho, ficou decido trânsito julgado e que as partes propuseram um acordo para quitar a dívida. Quando a prefeitura foi pagar a dívida, descobriu que já havia sido feito um pagamento com o mesmo valor já havia sido pago supostamente para a empresa no dia 16 de janeiro deste ano, conforme o print abaixo.

Tudo indica que Gerson pensou que seria como “antigamente”, pois como a divida estava com poucos dias para ser caducada e a empresa não iria recorrer. Ele se enganou, a NP Capacitação entrou como uma ação para receber antes de vencer os cinco anos que a lei permite. Foi aí que descobriram o crime praticado pelo ex-secretário, o qual foi denunciado ao Ministério Público. Os vereadores também protocolaram um pedido dos microfilmes do pagamento, já que documentos físicos desapareceram da contabilidade.

Gerson já trabalhou com vários prefeitos, sempre reconhecido por dar um jeitinho em tudo. Ele próprio criou até um slogam “O Jeito é Gerson”. Ele retornou a Prefeitura no primeiro ano da gestão do prefeito Josair Lopes, o qual logo em seguida foi exonerado por incompatibilidade com a equipe. Valdécio da Costa (Zão) ao deixar o posto de vice e assumir a prefeitura convidou Gerson para comandar a pasta da Administração, o que causou desgastes com muitos servidores públicos de carreira, os quais conhecem a forma de trabalhar de Gerson.

Não é a primeira vez que o ex-secretário é envolvido em escândalo de corrupção. Na gestão da prefeita Maria José Borges, Gerson foi a peça chave para que a Justiça pedisse o afastamento da gestora, por suposto envolvimento em fraude de aquisição de ambulância, Operação Sanguessuga, desencadeada pela Polícia Federal em 2006, considerado o maior escândalo de corrupção na esfera da saúde pública nacional e que deu um rombo superior a R$ 900 milhões aos cofres do governo. Nela, outros 74 prefeitos também foram denunciados pelo Ministério Público Federal por participação na Máfia das Ambulâncias.



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Dom Aquino (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial