Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Mato Grosso

Salários passam de R$ 60 mil, mas defensores têm auxílio-alimentação de R$ 4,6 mil

 |
Divulgação / Reprodução

Basta dar uma olhada no Portal Transparência da Defensoria Pública de Mato Grosso para começar a entender porque o órgão afirma estar sem recursos tendo, inclusive, que encerrar atividades em 32 municípios. Salários passam de R$ 56 mil e os defensores ainda possuem um vale alimentação de R$ 4.675,49. Isso quando esse valor não vem com o nome de verba indenizatória no valor de R$ 13.541,04.

Ao analisar a folha dos defensores públicos fica meio difícil saber de fato quanto cada um ganha. Um caso, que a reportagem pegou  como exemplo, a pessoa tem escrito como provento normal o valor que varia de R$ 35.462,22 a R$ 61.115,06.

Teve defensor que chegou a receber R$ 69.980,61 em um mês, somando o “provento normal” que foi de R$ 56.439,57 mais a verba indenizatória R$ 13.541,04.

Para efeito de comparação, os membros e servidores do Ministério Público de Mato Grosso recebem R$ 1.500,00 de vale alimentação.

OUTRO LADO

Por meio de nota, a Defensoria Pública afirmou que o valor do vale-alimentação na verdade é uma soma de auxílio-alimentação e auxílio-transporte.



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Mato Grosso (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial