Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Beleza e Saúde

Confira quais os municípios de Mato Grosso que mais vacinaram contra covid

 |
Divulgação / Reprodução

Governo de Mato Grosso recebeu, até esta terça-feira (20), 2.297.250 doses contra covid-19 do Ministério da Saúde e já fez a distribuição de 2.129.695 vacinas aos 141 municípios do Estado, ou seja, 92% do total recebido.

O Estado reteve 166.955 doses de vacina, que são destinadas para segunda aplicação e devem ser distribuídas próximas da vacinação.

A disponibilização das doses é resultado da soma da primeira e segunda doses (2.068.746), acrescida das doses destinadas às populações indígenas aldeadas (54.120) e dos arredondamentos técnicos (6.829) necessários para o ajuste volumétrico dos frascos disponibilizados pelo Ministério da Saúde.  

Das 2.068.746 doses retiradas pelos municípios, as prefeituras aplicaram 1.678.945 (94%), sendo 1.227.701 como primeira dose, 379.267 como segunda dose e 71.977 aplicações como dose única. O percentual da semana passada era de 86%.  

Os 10 municípios que mais aplicaram vacinas, considerando o percentual de doses aplicadas em relação às doses recebidas, foram: Primavera do Leste (100%), Campo Novo do Pareci (100%), Salto do Céu (100%), Itiquira (100%), Novo Horizonte do Norte (100%), Tangará da Serra (100%), Alto Garças (100%), Santa Cruz do Xingu (99%), Araputanga (99%) e Lambari D'Oeste (99%). 

Considerando as vacinas destinadas à população indígena, alguns municípios podem contabilizar as doses aplicadas em aldeias pertencentes a territórios vizinhos e ultrapassar o limite de 100% da aplicação.

A Vigilância Estadual alertou que a utilização de unidades de segunda dose como primeira dose pode comprometer o esquema vacinal da população do município, considerando o fornecimento e as orientações feitas pelo Ministério da Saúde.

Sobre a distribuição

Na força-tarefa da vacinação, cabe ao Governo do Estado fazer a logística de distribuição, que é definida pela Comissão Intergestores Bipartite de Mato Grosso (CIB-MT), composta por membros do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) e da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT).

A escolta dos materiais até os 14 polos de distribuição é feita pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), além das Polícias Federal e Rodoviária Federal e do Ministério da Defesa. O Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) também disponibiliza sua frota aérea para dar celeridade à distribuição.

É importante ressaltar que o Governo Federal define o total de doses que cada estado recebe. Essa definição ocorre de acordo com a quantidade de pessoas que pertencem aos grupos prioritários e não pela quantidade absoluta da população.



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Beleza e Saúde (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial