Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Política

Prefeito usa máscara de forma errada em reunião com governador

 |
Divulgação / Reprodução

Em reunião com o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), o prefeito de Barra do Bugres, Raimundo Nonato (PSB), deu um ótimo exemplo de como uma máscara não deve ser usada, para se proteger do novo coronavírus (Sars-CoV-2).

O chefe do Executivo, que foi até Cuiabá para cobrar a reforma do Hospital Regional de Barra do Bugres, não dispensou o uso do acessório de proteção, contudo, deixou o nariz descoberto, o que pode aumentar o risco de infecção.

A máscara funciona como uma barreira, onde quem já estiver contaminado não vai espalhar gotículas com o vírus ao falar, tossir ou espirrar, por exemplo. E aqueles que estiverem saudáveis também terão uma proteção no rosto para que as mucosas da boca e do nariz não entrem em contato com partículas contaminadas.

Portanto, a função da máscara é cobrir as “portas de entrada e de saída” do vírus no organismo. Daí vem a importância de jamais deixar os lábios e as narinas expostos. Nesse sentido, o prefeito deu um péssimo exemplo, que não deve ser seguido pelos que estão preocupados com a saúde.

Nas últimas semanas vários políticos confirmaram a contaminação por coronavírus, entre eles o deputado estadual Paulo Araújo (PP). Outra vítima, mas fatal, do vírus foi o assessor parlamentar de Várzea Grande Valdemir Bernardino (DEM), o Nana, que morreu no início do mês.

Mato Grosso registou até a tarde de segunda-feira (25) 1.594 casos confirmados da Covid-19 e 42 óbitos em decorrência do coronavírus.



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Política (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial