Temperatura do dia: Em - MT
ºC |
PUBLICIDADE

Política

Wellington vai apresentar PEC para prorrogar mandatos de prefeitos e vereadores por 2 anos

Proposta do senador mato-grossense é que eleições ocorram em 2022; presidente do Senado defende adiamento das eleições, mas sem prorrogação dos mandatos

 |
Divulgação / Reprodução

O senador Wellington Fagundes (PL-MT) vai apresentar uma proposta de emenda à Constituição (PEC) para prorrogar por dois anos os mandatos de prefeitos e vereadores eleitos em 2016 e transformar o pleito de 2022 em eleições gerais. Dessa forma, seriam eleitos, ao mesmo tempo, além de prefeitos e vereadores, o presidente da República, governadores e deputados federais e estaduais.

O senador mato-grossense afirma que diante da crise sanitária, econômica e política "fica cada vez mais clara a inviabilidade de se manter a data de outubro deste ano para as eleições municipais". 

Wellington Fagundes avalia que a mudança na Constituição produzirá efeitos benéficos a curto e a longo prazo.

“A curto prazo, permitindo que os recursos públicos que estão destinados à Justiça Eleitoral, R$ 4 bilhões, e ao fundo eleitoral, mais R$ 2 bilhões este ano, sejam relacionados para enfrentar a doença pela união pelos estados e pelos municípios. E a longo prazo, as dificuldades financeiras e administrativas decorrentes das frequentes suspensões de transferência de recursos aos estados e municípios, que ocorrem a cada dois anos, por vários meses antes das eleições, passariam a ocorrer em intervalos mais espaçados de quatro em quatro anos”, explicou o senador.

Por outro lado, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, anunciou a criação de uma comissão mista ou um grupo de trabalho para tratar do assunto. A proposta de Alcolumbre é adiar as eleições, mas não prorrogar os mandatos de prefeitos e vereadores. Ele não deu mais detalhes de como isso ocorreria. (Com informações da Agência Senado)



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Política (últimos 30 dias)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial