Temperatura do dia: Em Jaciara - MT
33 ºC | Tempo nublado
PUBLICIDADE

Política

Ação de mandato ajuda salvar vida e emociona campanha de Max Russi

 |
Divulgação / Reprodução

A campanha do deputado estadual Max Russi (40000) à reeleição teve um capítulo especial no final de semana passado. Numa das atividades em Paranatinga, Max Russi foi surpreendido com o depoimento de uma mãe-avó, onde relatou que a ação do mandato do deputado salvou a vida de seu neto. "Eu lutei mais de seis anos por uma cirurgia para ele e o senhor, com menos de um mês, conseguiu encaminhar e salvar sua vida, pois o problema era muito grave", testemunhou ao microfone Enil Furquim, conhecida carinhosamente por Maninha.

O relato comoveu todos os presentes, mesmo porque Maninha e seu neto Victor Yuri Ramalho Roriz, não conseguiram conter as lágrimas ao relatar a luta pela vida. "Se ele está vivo aqui hoje devemos muito ao senhor e ao seu gabinete, que abraçou nossa luta como uma causa e realizou o sonho da cirurgia, que já tinha se transformado em um grande drama", afirmou a emocionada Maninha. Sem voz para expressar a felicidade de servir como instrumento que possibilitou salvar uma vida juvenil, Max Russi foi, em silêncio, ao encontro dos dois e deu um demorado e afetuoso abraço.

PROBLEMA NO CORAÇÃO

Victor Yuri tem atualmente doze anos e está no sexto ano do ensino fundamental numa escola pública de Paranatinga. Ele começou apresentar problemas aos dois anos, mas apenas aos quatro foi diagnosticado: ele tinha aneurisma e uma fístula na veia do coração. Este quadro acarretou muita angústia, pois ele tinha náusea, vômitos e até desmaios constantes, principalmente por falta de ar. "Quase sempre tinha que buscar ele na escola, pois estava passando mal, nunca ficava sossegada e tinha muito medo do pior acontecer", observou Maninha, afirmando que depois do diagnóstico começou sua luta, pois a família é sem condições financeiras e não conseguia arcar com uma cirurgia na rede particular.

 Ela entrou na Justiça, ganhou a demanda que autorizou o procedimento, mas mesmo assim  a cirurgia não foi realizada. "O coração dele estava crescendo demais por causa da forte pressão sanguínea e esse crescimento não era compatível com seu tamanho e idade.  A gente já estava temendo o pior", lembra Maninha. "Nosso drama acabou só em 2017, quando o deputado Max Russi teve conhecimento da situação e colocou seu gabinete para cuidar do problema. No dia 17 de agosto, finalmente, foi realizada a cirurgia em Cuiabá, que transcorreu tudo bem e devolveu a vida e esperança ao meu neto", disse.

INSTRUMENTO DE DEUS

Ainda com a voz embargada, Max Russi falou aos presentes, prestou contas de seu trabalho como deputado e disse que vai continuar trabalhando ainda mais para o povo mato-grossense.  Ele disse que estava vivendo naquele momento um capítulo diferenciado em sua campanha de reeleição.  "Gosto de gente, de ajudas as pessoas e de fazer o bem. O depoimento que acabei de ver e ouvir me motiva ainda mais por mostrar que estamos no caminho certo", exclamou Max Russi. "Não fui eu que salvei a vida do pequeno Vitor, fui apenas instrumento de Deus para criar as condições necessárias para resolver seu problema de saúde e estou muito feliz e agradecido por isso", sentenciou.

RENAIS CRÔNICOS

Por outro lado, Max Russi também comemora a ativação da Clínica de Hemodiálise em Primavera do Leste, outra ação humanitária de seu mandato. A unidade beneficia diretamente os renais crônicos de Paranatinga e região, que não precisam fazer o deslocamento até Rondonópolis para fazer as sessões de hemodiálise. A clínica em Primavera foi inaugurada no começo do ano e colocou fim ao sofrimento de dezenas de pessoas que necessitam fazer as sessões em máquinas de filtragem do sangue. Antes, os pacientes tinham que percorrer mais de dois mil quilômetros toda semana para fazer o tratamento e atualmente esta distância caiu quase pela metade. "Me sinto abençoado por ter participado dessa parceria que viabilizou a clínica de hemodiálise para atender os pacientes renais crônicos de Paranatinga e toda a região", comentou Max Russi.

 



deixe sua opinião






  • Máximo 700 caracteres (0) 700 restantes

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem.

    Clicando em enviar, você aceita que meu nome seja creditado em possíveis erratas.



mais lidas de Política

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
TOPO

Contato

Redação

Facebook Oficial

Kanix Web Developers